EsporteSanta Cruz da Palmeiras

Judoca palmeirense é promovida à mais alta graduação do Judô

Kodansha é um título de alta graduação específico do Judô, criado pelo Kodokan.

No último sábado (26/01), no Teatro Municipal de Mauá, 56 professores de Judô paulistas receberam sua promoção de faixas Kodanshas do 6º ao 9º Dan.

O evento contou com a presença dos presidentes da Confederação Brasileira de Judô, Silvio Acácio, e da Federação Paulista de Judô, Alessandro Puglia. O teatro ficou lotado de convidados, amigos e parentes  dos promovidos que fizeram questão de acompanhar e prestigiar o importante evento.

Kodansha é um título de alta graduação específico do Judô, criado pelo Kodokan. Deve ser outorgado àqueles que se empenharam no aprendizado, na prática contínua, na demonstração da sua eficiência técnica em competição e na devida dedicação, no ensino, no estudo e na pesquisa. Ser Kodansha  é ter um nível de pós-graduação dentro do judô.

Uma das promovidas foi a Cidadã Palmeirense Marilaine Ferranti Antonialli (Bya), que passou a ser uma das mais novas KODANSHAs do país.

No Brasil hoje no quadro feminino, o país conta com oito mulheres nesta graduação, sendo só no  Estado de São Paulo quatro judocas, sendo que duas delas foram atletas olímpicas e hoje são professoras em grandes clubes na cidade de São Paulo.

No quadro feminino, a Bya é uma das oito KODANSHAS do país. No masculino, esse número chega em torno de duzentos graduados em todo o país.

Marilaine recebeu a faixa Coral, que representa do 6º ao 8º Dan, sendo a portadora do 6º Dan, que, a partir de agora, com muita honra, tem a missão de difundir seus conhecimentos, buscando, com humildade, mais aprendizado e aperfeiçoamento dentro desta arte que ela pratica já há quase 40 anos.

Entenda as faixas de judô: Exemplo; Humildade; Respeito; Superação; Garra; Determinação; Caráter; Disciplina; Equilíbrio e Coordenação Motora.

Aperfeiçoamento

Sempre em busca de novos conhecimentos, Marilaine, que é árbitra internacional (a única de sua graduação no país), participou entre os dias 13 a 17 de Janeiro na Áustria, na cidade de Mittersill, do Seminário Internacional da Federação Internacional, onde estiveram mais de duzentos Árbitros e Técnicos de todo o mundo, para estudar as novas regras e adaptações da Arbitragem para este ano de 2019.

Todos os anos ela tem participado desses seminários realizados em vários lugares do mundo, como: Espanha, Marrocos, USA, Japão, Brasil, Nicarágua e este ano na Áustria.

Depois desse seminário, vai  ministrar cursos e palestras dentro do Estado de São Paulo e outros estados, levando o conhecimento dessas novas mudanças para padronização em todo o País.

Tags
Show More

Máterias relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker